Ex-presidente do Icasa é encontrado morto em Juazeiro do Norte

PORToni Sousa
Dr. Cícero ao lado do ídolo do Icasa, Marciano, em jogo festivo. Foto: Divulgação de redes sociais.
- Publicidade -
Corrida Elit Notícias

 

Juazeiro do Norte está de luto. Morreu nesta terça-feira (15) Cícero Raimundo Leite. Técnico em radiologia, Dr. Cícero, como era carinhosamente chamado, foi encontrado morto na residência onde morava, no Bairro do Limoeiro, em Juazeiro. Ele trabalhou por anos no Hospital de Fraturas do Cariri e também foi presidente e vice-presidente do Icasa. Em outras gestões do clube comandou o departamento médico. Ele se dizia icasiano de coração.

Carismático, Dr. Cícero facilmente conquistava amigos. No período em que esteve no Icasa gozava da confiança e do carinho de atletas e membros das inúmeras comissões técnicas com quem trabalhou.

O corpo está sendo velado, no Centro de Velórios Anjo da Guarda, em Juazeiro do Norte. Desde às 19h, muita gente já esteve no local dando o último adeus. Haverá uma missa de corpo presente às 9h desta quarta-feira (16) e em seguida o corpo será levado para Lavras da Mangabeira, onde será sepultado.

Segundo Paes de Lira, ex-presidente do Icasa, Dr. Cícero tem relevantes serviços prestados aos desportistas. “Eu o convidei para participar do Icasa. Ele ajudou muito ao Icasa e desportistas de toda a região. Todo mundo gostava dele”, disse. Para o radialista Demontier Tenório a dor é irreparável: “Era um bom amigo. Ele disse que queria falar comigo e não tivemos tempo para conversar. É uma dor irreparável”, concluiu.

Cícero Raimundo Leite também foi diretor do estádio Romeirão e ainda trabalhou no Hospital Tasso Jeiressati e na Unidade de Pronto Atendimento, em Juazeiro do Norte.

A diretoria do Icasa divulgou nota de pesar e luto pela morte de Dr. Cícero Leite.