Creche no Crato leva o nome da Professora Silvany Inácio de Sousa

Vítima de feminicídio há um mês, a professora do ensino infantil foi morta na Praça da Sé, no centro da cidade de Crato, pelo seu ex-companheiro.

Foto: Reprodução/ Redes Sociais.
- Publicidade -
Dog Run Notícias

 

A Câmara Municipal do Crato aprovou nesta quinta-feira (13), a Lei de N. 3452/2018 que denomina o nome da creche do Conjunto Filemon Limaverde como “Professora Silvany Inácio de Sousa”.

A educadora Silvany Sousa foi assassinada pelo ex-marido no dia 19 de agosto, na Praça da Sé. O crime abalou toda a cidade e sensibilizou ainda mais a luta pelo fim da violência contra mulher e o feminicídio.

“Este é um ambiente de educação e, levando o nome dela, homenageará a ela e a todas as mulheres que foram vítimas da violência. Esta é uma homenagem para que os homens revejam a crueldade com as mulheres e possamos amá-las e protegê-las como elas fazem com a gente”, afirmou o Chefe do Executivo Cratense.

A creche do Programa Nacional de Reestruturação e Aquisição de Equipamentos para a Rede Escolar Pública de Educação Infantil (Proinfância) é uma das ações do Plano de Desenvolvimento da Educação (PDE) do Ministério da Educação, visando garantir o acesso de crianças a creches e escolas, bem como a melhoria da infraestrutura física da rede de Educação Infantil. Em breve, atenderá a cerca de 370 crianças.