Cearense grava vídeo de posto incendiando em Caucaia e ameaça Bolsonaro; presidente responde

- Publicidade -

 

O presidente Jair Bolsonaro divulgou um vídeo na sua conta pessoal do Twitter, nesta sexta-feira (11), no qual aparece um posto de combustíveis incendiando no Ceará e uma voz masculina ameaçando o presidente com xingamentos.

As ameaças fazem referência às declarações de Bolsonaro no sentido de endurecer a política de combate à violência. No vídeo, aparece a voz de um homem afirmando que, se Bolsonaro continuar “oprimindo os irmãos”, “o fogo vai pegar na Caucaia”, em referência ao município da região metropolitana de Fortaleza.

Em resposta ao vídeo, Bolsonaro defendeu mudanças na legislação com a participação de todas as esferas de todos os Poderes e da imprensa para impedir o avanço da violência no país.

Note a necessidade mais que urgente de se mudar a legislação com participação de todas as esferas de Poderes e Imprensa. Não porque o marginal ameaça citando meu nome, mas para mostrar ao povo ordeiros de que lado estão o Executivo, Legislativo e Judiciário“, escreveu o presidente.